[RESENHA] A Caçada – Clive Cussler

Olá amigos leitores, tudo bem!?

Hoje iremos falar sobre o livro “A CAÇADA” escrito pelo autor Clive Cussler e publicado pela editora Novo Conceito.

O LIVRO:

Aqui vamos conhecer umas das aventuras do detetive Issac Bell.

A história começa no ano de 1950, quando uma equipe resgata das profundezas um trem que foi afundado há 44 anos.

Depois a história volta para o ano de 1906, o ano em que haviam diversos assaltos de banco e mortes em diferentes lugares. O assaltante além de roubar os bancos, matava todas as pessoas presente no local para que não houvesse chances de ser reconhecido e ele não se importava se as vítimas eram homens, mulheres ou crianças. Os roubos  e mortes eram tantos que as pessoas começaram a chamo-lo de Assaltante Açougueiro.

Ninguém conseguia identifica-lo, muitos e muitos policiais tentaram capturar o bandido, mas ele nunca deixava rastros, até que a Agencia de Detetives Van Dorn contratou um dos melhores detetive, Issac Bell.

Issac Bell é um homem muito inteligente, não deixa passar uma pista dispercebida, qualquer detalhe simples é algo valioso para ele e é isso que ajuda ele nessa grande aventura.

Issac Bell e seus agentes, Irvine e Curtis, sabiam que não iria ser fácil, mas o que eles não sabiam, é que essa aventura seria tão perigosa.

MINHA OPINIÃO:

Eu gostei bastante da leitura mesmo sendo em terceira pessoa.

Apesar de ser um livro que se passa no ano de 1906 e o autor ser bem detalhista, a narrativa é bem fluída e simples. O que eu mais gostei da história, é que ela é bem faroeste (meu pai iria amar rs…), com Saalon e carros antigos, achei muito bacana, é muito diferente das histórias que costumo ler.

Se você acha que esse livro é daqueles que só iremos saber quem é o bandido no final, você está totalmente enganado(a). Um capítulo narra os acontecimento do Detetive e um outro narra os acontecimentos do Assaltante Açougueiro. Talvez por causa disso algumas vezes eu tenha achado os acontecimentos um pouco previsiveis demais, exemplo, em um capítulo o bandido tramava uma coisa e no outro capítulo o Detetive já sabia extamente como o bandido iria agir ou vice-versa, então eu acabava não ficando tão impressionada assim, mas tinham momentos, principalmente da parte do bandido, que eu pensava, BICHO INTELIGENTE DA P…

Mesmo sabendo quem é quem e no que estão pensando, o autor conseguiu manter a história muito viva e fazendo a gente querer saber o que vai acontecer nos próximos capitulos. Com certeza eu irei ler as outras aventuras do detetive Issac Bell. <3

 

Espero que tenham gostado da resenha.

Um grande abraço e até! 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *